Localidades

Campos para pesquisa

Para usar as opções de filtro, escolha o campo para a pesquisa e clique no botão pesquisar
Foram encontradas 8 registros
Limpar

Lista de localidades

Descrição Tipo Sobre Visualizar
Casa da Cultura Moarcir Soares Pinto e Centro Cultural Aldemir Martins Pontos turíticos O Casarão do Cel. Francisco Xavier de Souza(antiga Cnec) agora completamente restaurado e mantidas suas características originais. Um prédio centenário que antes corria o risco de cair e de se perder para sempre um pedaço importante não apernas da história arquitetônica de Aurora, mas de toda a região. Adquirido pela gestão municipal(assim como a casa do agente da Reffesa onde hoje funciona a sede da Secult) o casarão do Cel. Xavier constituido meados do século XIX. O prédio agora, lindamente decorado e revitalizado recebeu a denominação de Casa da Cultura Moacir Soares Pinto e Centro Cultural Aldemir Martins(dois filhos da terra) sendo devidamente transformado num dos mais festejados equipamentos culturais da cidade abrigando dentre outras coisas: o museu municipal, a sede da banda de música Sr. Menino Deus, o auditório Dona Santô e a escola de música maestro Esmerindo Cabrinha da Silva. Também oportunizará espaço para exposições temáticas permanentes e temporárias, artes e ofícios no sentindo de fomentar o desenvolvimento cultural do município. Visualizar
Cemitério da Bailarina Pontos turíticos Inventariança Cultural:
Vários itens patrimonias históricos estão sendo colocados na longa lista das prioridades da Seculte-Aurora como forma de numa segunda seletiva, escolher os mais imediatos. Dentre os materiais para o inventário e tombamento estão: o antigo casarão do coroenl Fco. Xavier de Souza de 1831; o antigo prédio da estação ferroviária juntamente com a Casarão da Reffesa; além da edificação de monumentos nos locais onde um dia existiram a antiga residência do Cel. Izaías Arruda e Zé Cardoso na história fazenda Ipueiras, bem como a antiga capela de São Benedito da Aurora Velha(do beato do mesmo nome), cujas resquícios podem ser vistos à margem do Salgado no lugar chamado “as beatas”. Ainda o cemitério da Bailarina do início do século XVIII no sítio Carro Quebrado(Patos) no riacho das Antas; a Massalina do rio Salgado(sítio Volta) na região do Pavão; a capelinha da Moça(Márti Francisca) a chamada santa popular de Aurora. Assim como os imateriais: Os penitentes, os antigas “louceiras” dentre outros saberes e fazeres.
Fonte: Blog da SECULT Aurora
Visualizar
Estação Ferroviária de Aurora Pontos turíticos Estação da Estrada de Ferro da RVC, em Aurora; palco do atentado que levaria a morte o coronel Isaias Arruda, principal mentor do plano de ataque de Lampião a Mossoró. Neste episódio apesar de algumas literaturas fazerem sua ligação à traição cometida por Isaias a Lampião, o fato realmente se deu em função de intrigas entre o referido coronel e a família Paulino.A Estação de Aurora pertence a Linha-tronco, ou Linha Sul, da Rede de Viação Cearense e surgiu com a linha da Estrada de Ferro de Baturité, aberta em seu primeiro trecho em 1872 a partir de Fortaleza e prolongada nos anos seguintes. Quando a ferrovia estava na atual Acopiara, em 1909, a linha foi juntada com a E. F. de Sobral para se criar a Rede de Viação Cearense (RVC) , imediatamente arrendada à South American Railway. Em 1915, a RVC passa à administração federal. A estação de Aurora foi inaugurada em 1920 e a linha chegaria ao seu ponto máximo em 1926, atingindo a cidade do Crato, no sul do Ceará. Em 1957 passa a ser uma das subsidiárias formadoras da RFFSA e em 1975 é absorvida operacionalmente por esta. Em 1996 é arrendada juntamente com a malha ferroviária do Nordeste à Cia. Ferroviária do Nordeste (RFN). Trens de passageiros percorreram a linha Sul até o dia 16 de novembro de 1989, quando encerraram suas atividades de transporte de passageiros. Visualizar
HISTÓRICO DA IGREJINHA DA SANTA POPULAR DE AURORA – MÁRTIR FRANCISCA. Pontos turíticos FRANCISCA AUGUSTO DA SILVA, nome completo da MÁRTIR FRANCISCA. Nasceu na cidade de Aurora-Ceará no sítio Creoulas aos 21 de fevereiro de 1941. Sendo seus pais Manoel Pedro Ferreira e Júlia Augusto da Silva. Seu batismo teve como celebrante o reverendíssimo Padre Juvenal Colares Maia no dia 23 de maio de 1941 na igreja Matriz do Senhor Menino Deus.Os padrinhos de batismo foram Paulo Gonçalves Ferreira e Josefa Gonçalves Pinto. No dia 09 (nove) de fevereiro de 1958 às 14:00 hs, no sítio Mororó nesta mesma cidade o correu o seu falecimento.Numa noite de dezembro de 1994, se reuniram os irmãos penitentes no Sítio Mororó para fazer suas orações, penitências como de costume.quando de repente começou a chover, neste momento o Decurião João Soares Chagas (João de Mundoca) lançou a idéia para os irmãos presentes no sentido de se construir uma igrejinha da Mártir Francisca no Sítio Mororó (várzea de Conta). Todos os irmãos presentes ficaram de acordo com a idéia da construção da referida igrejinha. Visualizar
Massalina do Rio Salgado Pontos turíticos Formação geológica localizada às margens do rio Salgado no sítio Volta, trata-se de um conjunto de formação rochosa através do qual correm as águas do rio Salgado. Encontra-se localizada no sítio Volta na região do Pavão sendo por isso mesmo um dos atrativos naturais bastante apreciados pelos aurorenses e todos quantos o conheçe de perto. Visualizar
Minas do Coxá Pontos turíticos Famosas não apenas pelos minérios que até hoje se escondem no seu subsolo e protegidas por um serrote íngreme e belo rodeado de caatinga densa, as minas do Coxá de Aurora ao que parece, ainda constituem um grande mistério. Um enigma atemporal como um constante acerto de contas do passado com o presente em nome das utopias do futuro. Uma verdadeira saga sertaneja que por mais de um século de história tem alimentado de causos e contos fantásticos as vastas narrativas da crônica caririense e nordestina. Assim como de aventuras e sonhos de riquezas, a imaginação de todos quantos de algum modo são tocados pelos encantos do seu rico chão. Como se ver, uma página das mais palpitantes da nossa história regional, cuja escrita ainda não se concluiu no seu todo.No passado pertenceram ao padre Cícero Romão que as adquiriu, segundo dizem, por compra junto aos sitiantes do lugar, provavelmente antes de 1903. Entretanto, a sua posse legal constitui-se por anos a fio como um dos mais ferrenhos litígios daquela época fazendo com que sua demarcação definitiva se desse pela força das armas e à revelia da lei. (Fonte: José Cícero) Visualizar
Monumento de Frei Caneca Pontos turíticos O monumento foi edificado pela secretaria de cultura local sob os auspícios da gestão municipal no sentido de assinalar os 190 anos da passagem do revolucionário pernambucano pelo território aurorense que seguia em direção ao Crato. No Juiz de Aurora Caneca foi preso com cerca de 600 revoltosos sendo reconduzido ao Recife onde um ano depois foi fuzilado, juntamente com outros companheiros, inclusive com execuções em Fortaleza, a exemplo do célebre padre Mororó. Sendo o fim do movimento libertador que envolveu rebeldes de Pernambuco, Paraíba e Ceará.
Visualizar
Poço do Meio - Rio Salgado Pontos turíticos Constitui um dos atrativos naturais que compoe o rio Salgado Aurorense. Encontra-se localizado praticamente na entrada da cidade da direção de Lavras da Mamgabeira. Mais precisamente nos limites do sítio Santa Bárbara. No passado representou um ponto de encontro e de lazer da população notadamente nos feriados e finais de semana. trata-se de um ambiente natural com fartura de água e árvores em cujo leito as correntezas do Salgado percorrem sobre um leito constituido de muintas rochas. Caracterizando-se por uma formação geologica de rara beleza propricia para os banhos e piquiniques. Visualizar

Prefeitura Municipal de Aurora

Localização

AV. ANTÔNIO RICARDO, 43
CENTRO - 63.360-000
AURORA - CE

Redes Sociais